Organização do Trabalho Pedagógico Escolar
Órgãos Colegiados da Escola
Registro de Classe On-line Serviços Públicos de Apoio Escolar Fale Conosco

Quantidade de Páginas visitadas

PDE 2010 - DIFICULDADE DE APRENDIZAGEM x DESAFIOS METODOLÓGICOS
Autora: Lisane Odete Rheinheimer
Orientador: Dr. Douglas Roberto Borella - Unioeste


RESUMO: Este trabalho é resultado de estudos realizados no Programa de Desenvolvimento Educacional (PDE) da Secretaria de Estado da Educação do Paraná, turma 2010/2012. O objetivo consistiu em propor sugestões de ações pedagógicas, aos professores das séries finais do ensino fundamental, das escolas públicas do estado do Paraná, contemplando uma abordagem inclusiva junto a alunos com dificuldades de aprendizagem. Este estudo pautou-se principalmente nos teóricos de: Vigotski (1998), Pain (1992) e Libâneo (1997). Nos pareceres de Vigotski (1998) buscamos aprofundar o conhecimento relacionado ao processo de desenvolvimento e de aprendizagem na vida escolar dos alunos que apresentam dificuldades de aprendizagem. Tendo como ponto de partida a compreensão de como se estabelece o nível de desenvolvimento da criança na idade escolar, identificados por Vigotskicomo: real e proximal. Outro aspecto fundamental neste estudo é a dificuldade de aprendizagem, resultando no fracasso escolar, situação apresentada por aqueles alunos identificados como “normais”. Para Pain (1992), existem quatro fatores que atuam sobre os problemas de aprendizagem, sendo: os orgânicos, os específicos, os psicógenos e os ambientais. Podemos considerar o problema de aprendizagem como um sintoma, no sentido de que o não aprender não configura um quadro permanente, mas ingressa numa constelação peculiar de comportamento, nos quais se destaca como sinal de descompensação, ou seja, problemas de aprendizagem não são o contrário de aprender, ela cumpre seu sintoma, mas com outros fatores que a permeiam (PAIN, 1992, p 28). Neste sentido, nos estudos de Libâneo (1997), encontramos o embasamento teórico a fim de propormos intervenções didáticas diferenciadas, contemplando uma abordagem inclusiva junto de alunos com dificuldades de aprendizagem. Necessitamos minimizar as dificuldades de aprendizagem, enfatizando a necessidade de repensarmos nossa prática pedagógica. Para o encaminhamento da pesquisa optamos pela elaboração de um questionário de cunho quantitativo e qualitativo aos professores, os quais tinham inseridos em suas salas de aula alunos com dificuldades de aprendizagem para posterior análise dos resultados, culminando com a elaboração de uma proposta didática no aperfeiçoamento de métodos, estratégias e meios de ensino para melhor atender estes alunos. 

Produção Didática Pedagógica

Artigo


Voltar a página do PDE





























Secretaria de Estado da Educação do Paraná
Av. Água Verde, 2140 - Água Verde - CEP 80240-900 Curitiba-PR - Fone: (41) 3340-1500
Desenvolvido pela Celepar - Acesso Restrito