Organização do Trabalho Pedagógico Escolar
Órgãos Colegiados da Escola
Registro de Classe On-line Serviços Públicos de Apoio Escolar Fale Conosco

Quantidade de Páginas visitadas

PROJETO DE BADMINTON COLÉGIO ESTADUAL ERON DOMINGUES – 2016

PARA PAIS, MÃES, ALUNOS, FUNCIONÁRIOS E PATROCINADORES

UM ESPORTE VERDADEIRAMENTE DIFERENCIADO!!!!

DIVERTIDO, DINÂMICO E DE FÁCIL APRENDIZADO!!!!

EM POUCAS AULAS VOCÊ ESTARÁ JOGANDO E SE DIVERTINDO OU COMPETIDO!!!

Desporto motivante e dinâmico. Esporte de raquete mais rápido que existe sendo que a peteca chega a atingir 300 Km por hora. É o 2º Esporte mais praticado no mundo exigindo velocidade de reação, técnica, estratégia, raciocínio rápido e concentração

♦ O Badminton é um esporte que surgiu na Índia no século XIX com o nome de Poona, sendo posteriormente levado para a Inglaterra por oficiais ingleses que estavam a serviço naquele local. No Brasil é considerado ainda um esporte novo e em nossa região Oeste de Paraná possui ainda pouco conhecimento sobre este esporte;

♦ O Esporte é jogado com raquetes e peteca e os jogadores são divididos por uma rede com 1,55 metros de altura. Esse esporte é uma mistura de voleibol e tênis, pois a peteca não pode cair no chão sendo rebatida por uma raquete que pesa cerca de 100 gramas. Durante um golpe de cortada a peteca chega a atingir a velocidade de 300 Km por hora. É o 2º Esporte mais praticado no mundo exigindo velocidade de reação, técnica, estratégia, raciocínio rápido e concentração.

♦ A quadra de Badminton mede 13,40 metros de comprimento e 6,10 metros de largura. O ponto é marcado quando a peteca cai dentro da quadra adversária, toca a rede ou o corpo do adversário, e ainda quando é jogada para fora pelo adversário. O jogo é disputado em melhor de 3 sets até 21 pontos, sendo que deve-se ter uma diferença de 2 pontos para o adversário para vencer o set. Em caso de 29 a 29 quem fizer 30 pontos primeiro vence o set;

  INTRODUÇÃO E JUSTIFICATIVA
♦O Colégio Estadual Eron Domingues Ensino Fundamental Médio e Normal, é uma Instituição de Ensino Público com 58 anos de existência situada na Cidade de Marechal Cândido Rondon, na Região Oeste do Paraná. Atendemos alunos oriundos do centro da cidade, bairros, da zona rural e distritos bem como alunos de outros municípios. A comunidade de alunos, portanto é bastante heterogênea, com diferentes níveis social, cultural e econômico. Atualmente o Colégio tem 1.417 alunos e atende 48 turmas de ensino regular distribuídas nos 3 turnos de funcionamento. Nossos educandos possuem idade entre 10 até 18 anos de idade.
♦O Colégio é a maior Instituição de Ensino Fundamental e Médio do Núcleo Regional de Educação de Toledo que compreende 16 municípios da região.
Apesar de ser esporte olímpico desde 1992 em Barcelona na Espanha, no Brasil o Badminton é considerado um esporte novo e em expansão. Nossa região Oeste do Paraná tem ainda um conhecimento ainda superficial (com raras exceções) dessa apaixonante modalidade.
♦Com o advento da tecnologia principalmente o celular e a internet, percebemos que nossas crianças e jovens estão cada vez mais sedentários e movimentando-se cada vez menos. O resultado imediato são os riscos aumentados em relação a saúde, um mundo cada vez mais individualista e com pouca socialização e pouco envolvimento dos mesmos nas causas coletivas além de problemas de ordem psicológica e todos os perigos ligados a internet quando não utilizada de forma adequada.
♦A motivação para a prática de exercícios físicos de forma regular, bem como a participação em algum esporte convencional já existente na escola ou fora dela, parece também estar um pouco comprometida nessa atual geração.
♦A participação dos pais na Escola e o envolvimento dos mesmos em atividades do cotidiano escolar de seu filho e em desafios educacionais do cotidiano escolar (Participação dos pais e comunidade nas instâncias colegiadas da escola: composição da APMF – Associação de Pais, Mestres e Funcionários; composição do conselho escolar, entre outros) também carecem de um maior envolvimento.
♦Nesse sentido o Badminton se apresenta como uma alternativa bastante interessante por representar um esporte diferente para nossas crianças, jovens e adultos, pois é jogado com raquetes e petecas, sendo de fácil aprendizado e em poucas aulas o aluno está jogando, se divertindo ou competindo. O desporto exige velocidade, força, raciocínio rápido, concentração, coordenação entre outros, o que o torna desafiador para quem prática.
♦Outro fator interessante do projeto é a questão que o mesmo será desenvolvido durante as aulas de Educação Física, e também no contra turno escolar, ou seja, os alunos terão a oportunidade de pratica-lo no turno inverso ao seu horário de estudo, ficando, portanto, os mesmos envolvidos na atividade de forma saudável e orientada.
♦A interação com a comunidade de forma direta é outra possibilidade diferenciada. Estarão participando das atividades no turno da noite os pais e/ou responsáveis dos alunos, membros da APMF, Conselho Escolar, funcionários da instituição de ensino além da possibilidade de convite aos funcionários da Instituição Auto Elétrica e Mecânica João situada em nossa cidade como parceiro do projeto.

Surgimento do Badminton:

  • Foi na Índia que o Badminton nasceu, com o nome de Poona. Oficiais ingleses a serviço naquele país gostaram do jogo e levaram-no para a Europa. O "poona" passou a se chamar Badminton quando, na década de 1870, uma nova versão do esporte foi jogada na propriedade de Badminton, pertencente ao Duque de Beaufort's, em Gloucestershire, Inglaterra.
  • Não se tem uma data concreta de que ano o esporte foi trazido ao Brasil, porém, sabe-se que o badminton era praticado no país como um esporte amador a partir da década de 1970. Tornou-se uma modalidade oficial apenas em 1984, quando foi realizado em São Paulo, a primeira competição. No ano seguinte, o Brasil conquistou o Campeonato Sul-americano, na Argentina. A Confederação Brasileira de Badminton foi fundada em 1993 e está localizada na cidade de Campinas, no Estado de São Paulo.
Benefícios e importância do Badminton
  • O Badminton representa um esporte desafiador e diferente, bastante atraente para nossos alunos que necessitam de maneira urgente de atividades que motivem os mesmos a prática saudável de esportes. A socialização e inclusão estão também bastante presentes, pois além dos estímulos psicomotores são abordados aspectos afetivos em que os alunos compartilham momentos de respeito e solidariedade.
  • O Badminton é considerado um esporte barato para iniciantes, altamente atrativo para as crianças e jovens e dá condicionamento físico a quem pratica propiciando o desenvolvimento das habilidades motoras básicas (movimentos fundamentais e combinados). Desenvolve a organização espacial, a coordenação óculo-manual, a coordenação viso-motora, a lateralidade, o equilíbrio, a coordenação fina e grossa e o ritmo além de reforçar o desenvolvimento da capacidade motora como força, resistência aeróbica, velocidade, flexibilidade e coordenação.
  • Segundo Gonçalves (2012), o Badminton é um esporte para todas as idades e é inclusivo porque pode ser disputado entre meninos e meninas, jovens e idosos e até entre pessoas de diferentes classes sociais. Para as crianças, especificamente, o Badminton melhora a concentração, a rapidez de raciocínio e ajuda aquelas com hiperatividade a ter mais calma e atenção.
OBJETIVOS DO PROJETO:
OBJETIVO GERAL:

  • Desenvolver e difundir a modalidade de Badminton no Colégio Estadual Eron Domingues para alunos, funcionários, pais/responsáveis e parceiros/patrocinadores do educandário;
OBJETIVOS ESPECÍFICOS:
  • Oferecer aos alunos uma atividade esportiva diferenciada e orientada no período escolar, e no contra turno escolar visando um melhor aproveitamento do seu tempo livre, melhora no rendimento escolar, estando os mesmos envolvidos num desporto saudável e prazeroso;
  • Para os pais/responsáveis, funcionários, Membros das instâncias colegiadas (APMF, Conselho Escolar) e parceiros/patrocinadores do projeto oferecer suporte básico e oficinas para o aprendizado das principais regras e fundamentos com orientação e supervisão do professor responsável pelo projeto;
  • Realização de jogos e competições internas (principalmente nos finais de semana) tanto para os alunos como para os pais/responsáveis, funcionários, Membros das instâncias colegiadas (APMF, Conselho Escolar) e parceiros/patrocinadores do projeto, visando uma maior integração do Educandário com a comunidade escolar e externa (parceria com o Grêmio Estudantil);
  • Realizar intercâmbios com Colégios Estaduais e/ou instituições que desenvolvam trabalho semelhante em nossa cidade ou região visando manter uma motivação para a prática da modalidade (apoio da direção do educandário);
  • Manter e viabilizar um trabalho social com os alunos com riscos sociais aumentados, a ser desenvolvido no contraturno escolar, fazendo com que a prática da atividade de Badminton desperte o sentimento de pertencimento, acolhimento e crescimento pessoal e social;
  • Participar de competições em nível Municipal, Regional e Estadual com os atletas alunos selecionados para tal, bem como ofertar aos parceiros/patrocinadores a mesma oportunidade;
  • Inserir e coagir com a comunidade externa do entorno do educandário (empresas da iniciativa pública e privada), visando uma aproximação e estreitamento dos laços de parceria;
  • Prestação de contas com apresentação de balancete de gastos e investimentos realizados no projeto via APMF (Associação de Pais e Mestres), bem como a criação de um grupo de WhatsApp com disponibilização de imagens e atividades desenvolvidas pelo Educandário em relação ao presente projeto;
PROCEDIMENTOS METODOLÓGICOS
  • As atividades do referido projeto serão desenvolvidas prioritariamente nas dependências do Colégio Estadual Eron Domingues, situado a Rua Mem de Sá, Número 1615, Centro Marechal Cândido Rondon, Paraná, CEP: 85960-000, fone: 45- 3254-3229, e-mail: mrherondomingues@seed.pr.gov.br. Serão utilizados o Ginásio de Esportes, quadra de esportes, sala de reuniões, laboratório de informática, sala de aula, biblioteca entre outros. Em alguns casos outros espaços fora da escola poderão ser utilizados, no entanto sempre com o consentimento da direção do educandário e ampla divulgação para os alunos envolvidos na atividade.
  • As oficinas e atividades relacionadas ao desenvolvimento do Badminton serão executadas tanto em horário de aula regular (nas aulas de Educação Física) como também no contra turno escolar para os alunos, sendo que no contraturno escolar poderão participar alunos com bom rendimento escolar e/ou será exigido dos mesmo comprometimento e seriedade no trato com os estudos.
  • Já para os pais/responsáveis, funcionários, instâncias colegiadas (APMF, Conselho Escolar) e parceiros, serão oportunizadas oficinas no turno da noite, com orientação do Professor Responsável pelo projeto.
  • Todos os alunos terão a oportunidade de conhecer e participar de atividades relacionadas ao badminton. Caso ocorra que algum Professor de Educação Física durante suas aulas não tenha condições de trabalhar a atividade e a realização do torneio, as mesmas serão desenvolvidas pelo professor Responsável pelo projeto no Intervalo/recreio dos alunos.
  • O desenvolvimento do projeto será organizado em etapas, que serão detalhadas a seguir, sendo que as mesmas poderão ocorrer concomitantemente, e estão na dependência da confirmação de parceria. No entanto as atividades a serem desenvolvidas seguem a seguinte organização:
1º momento: Reunião com a direção do educandário demonstrando o projeto, bem como sua aprovação e liberação para execução (já realizado com aceite da direção);
2º momento: Buscar parceiros (patrocinadores) para o projeto visando a aquisição de materiais e equipamentos a serem utilizados (em andamento);
3º momento: Preparação do Ginásio de esportes e quadra esportiva para a modalidade com marcação das linhas de delimitação, preparação da estrutura para colocação da rede; nessa fase será ainda confeccionado um pódio para utilização durante os atos de premiação das competições; Escolha da mascote oficial do Badminton (em andamento);
4º momento: Desenvolvimento de oficinas e treinos de badminton com todas as turmas do educandário durante horário de aula de Educação Física (se possível) e início dos treinos em contra turno escolar; Realização de um campeonato interno em cada turma, dividido por naipe (masculino e feminino), onde teremos uma classificação dentro de cada turma; Criação de um WhatsApp para troca de informações entre os organizadores e parceiros do projeto; Início das atividades com pais/responsáveis, funcionários, instâncias colegiadas (APMF, Conselho Escolar) e parceiros ( iniciado parcialmente);
5º momento: Realização de um torneio interno, com os alunos melhores classificados tanto no naipe masculino como no feminino de todas as turmas e de acordo com a idade (Classe A: 01/01/1999 até 31/12/2001. Classe B: 01/01/2002 até 31/12/2004), dentro de cada um dos turnos (manhã, tarde e noite); Continuação dos treinos e oficinas no contra turno para alunos interessados; Continuação das atividades com pais/responsáveis, funcionários, instâncias colegiadas (APMF, Conselho Escolar) e parceiros; Torneio com pais/responsáveis, funcionários, instâncias colegiadas (APMF, Conselho Escolar) e parceiros (não iniciado);
6º momento: Realização de um torneio interno no final de semana, com os alunos melhores classificado dentro de cada turno (manhã, tarde, noite), tanto na categoria masculino como no feminino respeitando a idade (Classe A: 01/01/1999 até 31/12/2001. Classe B: 01/01/2002 até 31/12/2004); Realização de um torneio aberto para todos os alunos interessados, que não foram melhores classificados em cada turno (não iniciado);
7º momento: Participação dos alunos melhores classificados em competições externas, tanto municipal, regional e estadual (não iniciado);
8º momento: viabilizar junto ao núcleo regional de Educação carga horária especifica para professor Formado na Área de Educação Física, para atender essa demanda (não iniciado);
9º momento: Realização de um torneio interno a todos os interessados com inscrições antecipadas respeitando a categoria Masculino e feminino e também a idade (Classe A: 01/01/1999 até 31/12/2001. Classe B: 01/01/2002 até 31/12/2004) (não iniciado);
10º momento: Realização de um torneio aberto a comunidade externa e outras escolas, com boa premiação tanto no naipe masculino como no feminino (não iniciado);
OBS: As etapas constantes anteriormente poderão por medida de força maior não seguir exatamente a ordem em que estão colocadas.

RESULTADOS ESPERADOS
Espera-se com o desenvolvimento das atividades relacionadas ao badminton uma melhora significativa em vários aspectos da vida escolar e social dos alunos, bem como dos com pais/responsáveis, funcionários, e membros das instâncias colegiadas (APMF, Conselho Escolar) e parceiros. A seguir serão elencados alguns resultados que se pretende alcançar:
Para os alunos:
  • Melhora em sua autoestima;
  • Melhora em seus níveis de saúde em relação à prática de exercício físico;
  • Melhora no relacionamento e convívio social;
  • Melhora na qualidade de ocupação do seu tempo livre (internet, celular, etc.);
  • Melhora na cooperação com seus colegas, professores e familiares;
  • Melhora no rendimento escolar e nas demais tarefas do seu cotidiano;
Para os pais/responsáveis, funcionários, membros da A APMF, Conselho Escolar e parceiros/patrocinadores:
  • Melhora na sua disposição para as atividades cotidianas;
  • Melhora na sua autoestima, autoimagem e auto conceito;
  • Melhora nos relacionamentos e convívio social;
  • Melhora nos aspectos preventivos relacionados a saúde (exercícios físicos);
  • Melhora nos níveis de stress;
  • Maior visibilidade das empresas e parceiros envolvidos;
  • Melhora na autoimagem da empresa enquanto organização preocupada com a formação do caráter de nossas crianças e jovens, e dos cuidados em relação a saúde de seus funcionários e colaboradores;

AVALIAÇÃO
Ao final de cada trimestre letivo, será realizada uma reunião com todos os envolvidos (alunos, pais/responsáveis, funcionários, membros da APMF e Conselho Escolar, parceiros/patrocinadores do projeto), para uma avaliação do andamento das atividades do projeto. Nesse momento serão ouvidas sugestões, reclamações, elogios visando um melhor atendimento das necessidades da maioria. Serão analisados ainda se os resultados esperados estão sendo alcançados. Caso seja necessário serão adotadas medidas de ordem técnica para um melhor aproveitamento por parte do público atendido.

RECURSOS FÍSICOS, MATERIAIS E FINANCEIROS:
O espaço físico onde serão desenvolvidas as atividades serão as dependências do educandário compreendendo os espaços conforme a demanda da atividade a ser desenvolvida: Sala de aula, sala de reuniões, sala da direção Ginásio de Esportes do Colégio, Quadra de esportes (quadrinha), além de outros locais fora das dependências do Colégio, como locais de competições e intercâmbios.
Já em relação aos materiais e recursos financeiros necessários para desenvolvimento das atividades (raquetes, petecas, redes, placar/marcadores, pódio, redes etc.), serão buscados parceiros para um trabalho em conjunto.
Após essa etapa de parceria iremos juntos buscar a melhor forma de aquisição e adequação das atividades posteriores ás necessidades e demandas do projeto.O projeto que será desenvolvido no Colégio contemplará Alunos, Funcionários, Pais, mães e patrocinadores do projeto conforme organização abaixo. As atividades serão desenvolvidas por Professores de Educação Física do Colégio, e será desenvolvido um trabalho voltado a iniciação e aos conhecimentos básicos sobre o badminton, mesmo quem não conhece nada sobre o assunto pode participar e estão convidados.

♦ Segue abaixo o cronograma do Projeto:

Dia do Projeto   Público                Horário              Inscrição
Sexta-feira        Alunos                 17h:30 às 19h  Prof. Leandro
Sexta-feira        Func -  Prof.        19h às 20h   Secretaria Balcão
Sexta-feira        Patrocinadores    19h às 20h           Prof. Leandro
Sexta-feira        Pais e mães        19h às 20h    Secretaria/ligar

Parceiros do projeto:
> Auto Elétrica e Mecânica João;
> GQA – Elétricos Hidrálicos
> Restaurante Golden Fass;
> Vorpagel Materiais de Construção;
>Odontologia Dr. Alciney de Almeida Luiz;
> Sicredi;
> Jaclani Esportes;
> Rondotec Informática;
> Metalúrgica Marcírio;
> Móveis Qualitá;
>Rádio Difusora;
> Laborde Tintas;





































Secretaria de Estado da Educação do Paraná
Av. Água Verde, 2140 - Água Verde - CEP 80240-900 Curitiba-PR - Fone: (41) 3340-1500
Desenvolvido pela Celepar - Acesso Restrito