22/10/2009 - CELEPAR ADOTA SISTEMA DE TELEFONIA POR COMPUTADOR, E DIVULGA NOVOS NÚMEROS DE TELEFONE. Clique Aqui...

Data 22/10/2009 8:50:00 | Assunto: Assunto

Tecnologia IP será levada a todos os órgãos do Governo do Estado e pode gerar economia de até R$ 80 milhões por ano. E divulga novos telefones.


COMUNICADO AOS CLIENTES E USUÁRIOS

Em virtude das mudanças ocorridas na telefonia da Celepar com a implantação do sistema de voz sobre IP, comunicamos a todos os clientes e usuários de nossas soluções eletrônicas que os números das linhas telefônicas da Central de Atendimento da Celepar mudaram de prefixo.

Os novos números de atendimento são:

Central de Atendimento (Geral): (41) 3200-5007

Atendimento Paraná Digital: (41) 3200-5008

Atendimento Projeto DER: (041) 3200-5005

Atendimento Projeto PAC-SEAP: (41) 3200-5999

Atenciosamente,

CENTRAL DE ATENDIMENTO CELEPAR

Tecnologia de Ponta


Imagine uma ligação telefônica para outro país com o valor de uma chamada local ou sem custo de tarifas. Ou uma ligação de longa duração sem preocupação com a conta telefônica. Isso está se tornando realidade graças ao sistema de telefonia IP, uma tecnologia que permite a transmissão de voz, dados e imagens.

A Companhia de Informática do Paraná (Celepar) é o segundo órgão estadual a utilizar o recurso, depois do Departamento de Trânisto (Detran). Desenvolvido pela própria Celepar em software livre, o sistema foi batizado de Asterisco Paraná, em referência ao software livre utilizado na solução, o Asterisk, desenvolvido pela Digium e customizado pela Celepar para atender as necessidades do Estado. Ele usa como protocolo de sinalização o padrão IETF (Internet Engineering Task Force), denominado SIP (Session Initiatyion Protocol).

O Asterisco Paraná foi implantado de forma pioneira nos 1.150 telefones do novo prédio da Celepar em Curitiba, em 22 de setembro. A idéia é expandir o sistema para todos os órgãos estaduais. Para isso, 80% da rede de serviços de dados do Estado, com mais de 4 mil pontos espalhados por todos os 399 municípios paranaenses, já migraram para a rede de fibras ópticas da Copel. Com isso, as conexões dos órgãos estaduais tiveram aumento de velocidade de até quatro vezes.

Segundo o diretor de Tecnologia de Informação da Celepar, Cláudio Dutra, o novo sistema faz com que as redes de telefonia se misturem às redes de dados. “Assim, através do uso de tecnologias avançadas é possível fazer ligações para telefones convencionais por meio do computador.” Isto reduzirá os custos das ligações em até sete vezes. A estimativa é que o novo sistema gere economia de até R$ 80 milhões por ano, quando for implantado em todos os órgãos estaduais.

CENTRAIS – O sistema de telefonia IP substitui as tradicionais centrais telefônicas. No caso da Celepar, foi desenvolvida uma solução de PABX, que além de possuir todas as funções básicas de um equipamento tradicional, contém recursos avançados só encontrados em sistemas mais caros.

Além de uma interface gráfica amigável, baseada na Web, de fácil instalação e configuração, o Asterisco Paraná foi construído sobre uma palataforma de software livre bastante sólida, que inclui o sistema operacional Linux, o servidor de web Apache, linguagem PHP e banco de dados PostgreSQL, que possibilita configurar todos os requisitos do sistema.

Segundo José Lourenço Waltrick Júnior, gerente de Infraestrutura de Serviços Multimídia da Celepar, além da convergência entre as tecnologias da informação e as de telecomunicações e a economia dos custos de telefonia, o Asterisco Paraná também significa independência tecnológica. “O domínio sobre a solução torna o Estado independente em relação aos fornecedores que detêm o controle de tecnologias similares”, resumiu.

Tecnicamente, como o sistema é desenvolvido em arquiteturas abertas e protocolos padronizados, é possível utilizar qualquer equipamento SIP (aparelho telefônico ou gateway), independente do fabricante. “Em contraste, sistemas telefônicos proprietários normalmente requerem hardware específicos, projetados especialmente para aquele sistema”, resumiu Waltrick Júnior.

Como a solução é baseada em software, outra vantagem é que sua atualização é feita por meio de repositório on-line, ao contrário dos sistemas de telefonia tradicionais que para fazer atualização dependem na maioria dos casos de substituição de hardware, o que torna o processo bem mais caro. O fato de possuir uma interface baseada na web facilita a manutenção e alterações, diferente dos sistemas proprietários cujas interfaces são projetadas para manuseio exclusivo de técnicos especialmente treinados.

ECONOMIA – As vantagens econômicas da telefonia IP também são consideráveis. O custo das ligações entre os órgãos do Estado, que fazem parte da rede corporativa de voz e dados, é praticamente zero, já que as chamadas telefônicas intrarrede são encaminhadas pelos circuitos de dados. Da mesma forma, há uma considerável redução dos custos operacionais devido a os sistemas de telefonia IP utilizarem a mesma infraestrutura de cabeamento da rede de dados. Neste caso, a manutenção dos sistemas de telefonia e de dados pode ser feita pela mesma equipe técnica. Isto também possibilita maior flexibilidade para instalação e remanejamento de ramais.

Os ganhos também podem ser observados em outros aspectos. No caso dos sistemas de telefonia tradicionais, a ampliação de ramais requer normalmente atualizações e até substituições da plataforma de hardware. O mesmo já não ocorre com o Asterisco Paraná que está preparado para manipular um grande número de facilidades e pode ser expandido e configurado de acordo com a demanda dos usuários, sem a necessidade de hardware adicionais.

Em relação à mobilidade, basta uma conexão à internet para se ter acesso ao ramal de um PC, notebook, smartphone ou de qualquer outro dispositivo. Como as chamadas são baseadas em pacotes de dados também é fácil a integração dos sistemas de voz com as aplicações de dados corporativos. Este é o caso da integração da telefonia IP com a suíte de comunicação Expresso, o correio eletrônico oficial do Governo do Paraná, em que o usuário pode fazer uma chamada telefônica diretamente de seu catálogo de endereços sem a necessidade do teclado.

FUNÇÕES – Além de todas as funções de um sistema tradicional, o Asterisco Paraná possui funcionalidades adicionais. Cada ramal é cadastrado no sistema através do registro de login e senha do usuário e possui uma agenda individual onde é possível armazenar até nove números telefônicos. Todas as chamadas telefônicas são controladas e tarifadas em função da senha do usuário. As chamadas locais estão liberadas. Ligações para aparelhos móveis, longa distância (DDD) e internacional (DDI) requerem digitação de login e senha.

No painel frontal do aparelho é possível visualizar a identificação do ramal (nome e número do usuário), horário e data. Também existem várias opções de configuração de áudio, viva-voz, lista de chamadas, discagem abreviada, estacionamento de chamadas, conversas simultâneas de até três ligações, captura de outros ramais, gravação de mensagens e agenda.



Para mais informações acesse: www.asteriscoparana.pr.gov.br



Voltar



Está notícia foi publicada no "61 ANOS - UMA HISTÓRIA DE SUCESSO" CE ERON DOMINGUES EFMN
http://www.mrherondomingues.seed.pr.gov.br

Endereço desta notícia:
http://www.mrherondomingues.seed.pr.gov.br/modules/noticias/article.php?storyid=264